Blog

Residência artística no sertão do Ceará

Residência artística no sertão do Ceará

Gente, trago as boas novas!

Acontece é que estou num projeto super bacana. Entre os dias 22 até 31 de março, participei de uma residência artística no sertão central do Ceará, nas comunidades de Tauá, Maraquetá e principalmente Riacho do Meio, onde passei a maior parte do tempo.

A idéia era de contar, através das pinturas, a história de vida desses moradores, que são na maioria agricultores, as mudanças, conquistas e etc. Acompanhado do curador Paul Duboc e do Fotografo Pablo Saborido, trabalhamos nas pinturas em várias casas da comunidade e inclusive em uma igreja construída pelos próprios moradores.

O projeto tem a parceria com a empresa Vert, que é uma marca de tênis sustentável de Paris, com design francês mas matéria prima e fabricação 100% brasileiras, onde estou assinando uma nova coleção para o lançamento inverno 2014.

E é desses agricultores, onde produzem o algodão orgânico, que a Vert compra a sua principal matéria prima.

Então tu já fez a ligação entre as coisas, né.

A conclusão desse projeto resultará em exposições em maio nas capitais, São Paulo, Rio e Recife, e na Europa, em Paris e Londres.

 

Deu na impressa:

Derlon: pé na estrada pelo sertão

(Portal Tag It)

Derlon transforma desejos em desenhos

(Jornal do Commercio)

Derlon Almeida, a Poesia Visual do Cordel

(Revista de Arte e Cultura)

1656113_684840004887693_123010254_n

 

ASSENTAMENTO MARAQUETA QUIXERAMOBIM 1[foto: Pablo Saborido, em Maraquetá]

RIACHO DO MEIO CAIXA DA AGUA[foto: Pablo Saborido, em Riacho do Meio]

RIACHO DO MEIO FAMILIA DE FUNDADORES DA COMUNIDADE[foto: Pablo Saborido, em Riacho do Meio]

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *